domingo, 1 de maio de 2011

O "Soneto sobrevivente" sobreviveu em grande estilo!

O Concurso Prefácio Leoni encerrou. Logo, foram definidos os 10 prefácio mais votados, o qual apenas um será escolhido por Leoni para ser a abertura do seu novo livro, Manual de Sobrevivência no Mundo Digital.

E o "Soneto sobrevivente" tentou...lutou...conseguiu um expressivo número de votos, porém, não se classificou. Infelizmente, neste tipo de concurso, o que mais prevaleceu foi o poder de divulgação dos autores. Quem se mobilizou melhor pela internet afora, conquistou o passaporte para estar entre os 10.

Já eu posso afirmar que conquistei um passaporte também, mas bem diferente. Meu passaporte tem sabor de uma legítima satisfação. É um prazer gracioso. Esse passaporte me dá confiança, auto-estima e alegria que eu estou seguindo bem a carreira literária... é o melhor passaporte que um artista pode receber!!!

E aqui, eu tenho a honra e prestígio de registrar alguns comentários feitos a respeito de mim, do concurso e da minha obra que sobreviveu, enfim! Sobreviveu em grande estilo! :-) Obrigado a todos que apostaram em  mim! Vocês são demais!

Gostaria de parabenizar,o nobre Rafael Clodomiro por mais um trabalho desta vez soneto sobrevivente,gostei muito.Essa idéia de participar destes concursos faz dos poetas pessoas muito centradas porque não dizer conscientes de uma realidade muitas vezes não vividas e nem sentidas por pessoas que ainda não experimentaram sentir a alma de um verdadeiro artista,que relatam a socialidade de um povo. (Maria Elizabeth Viana - Olivreiro)

Fiz vistas ao vosso Soneto; gostei e votei.
Parabéns pela versatilidade...
Apenas registrei o que minha mente consciente vislumbrou...
-Sabe por quê?
-É porque em nosso "Clube..." só há feras. Reafirmo: você merece..., meu irmão.  (Gilford Meneses - por e-mail)

Alo Rafael, adorei seu soneto; e sei que voce é um daqueles que dispensa comentários, pois voce está acima deles, por seu engajamento pessoal e continuo na luta pela causa da cultura em seus diversos aspectos. Fica contudo aqui minha admiração por seu trabalho. Parabéns! (Kiko dos Santos - Olivreiro)

 ….”então as tuas palavras voarão em canções de cada ninho dos meus pássaros, e as tuas melodias brotarão em flores por todos os recantos da minha floresta”….(gitanjali-rabindranath tagore, pg19). Parabéns amigo, alma repleta de essência e sensibilidade nao é pra qualquer um.  Bjus!! (Sônia Aparecida Faria - Olivreiro)

Li o soneto, gostei e votei.
Aproveitei para dar uma olhadinha nos textos mais votados do concurso.
Com perdão do palavrão, que monte de merda!
São textos muito bem construídos, bem fundamentados; nota-se que os autores são conhecedores da boa escrita e estudaram bem o tema central da obra de Leoni. Mas, quanta falta de criatividade!
Muito acadêmicos, duros, sem delícia nenhuma.
Uma pena!
Torço por você. (Giovana Damaceno - Por e-mail)

SER POETA
Costumo dizer que ser poeta é ter na alma
a capacidade de dar alma aos seus pensamentos.
De fazer chegar à vida dos leitores novas descobertas
e os mais diversos sentimentos que vão brotando lentamente.
Ser poeta é partilhar com o mundo magníficas páginas intermináveis,
para que sejam continuadas, graças a inspiração prazerosa do outro.
Assim sendo parabenizo Rafael Clodomiro e aconselho:
Segue a tua estrada com ânimo e confiança,
dando aos demais poetas a tua inspiração como semente
partilhada para novas produções. Seja feliz!
(Graciana Meneses - Olivreiro)

Olá amigo Rafael, estou torcendo por ti, boa sorte o soneto está muito bonito. Temos de valorizar esta arte de escrever! (Negra Poetisa - Olivreiro)

Parabéns pelo seu trabalho tão bonito, suas palavras tocam nossa alma, que Deus te abençoe nesta fase da vida. Deus te abençoe, Rafa. (Ludymilla Maria Moreira - Olivreiro)

Que bom… ainda existem sonetos. Ainda bem
também existem poetas, não só nas letras de músicas,
mas em letras que podem ser musicadas…
Um abraço e sucesso . (José Carlos de Abreu - Olivreiro)

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário