sexta-feira, 1 de julho de 2011

Poeta de Volta Redonda ganha prêmio na UFF*

‘Por Amor a Paris’, de Rafael Clodomiro, fica em primeiro lugar no Prêmio de Literatura

       O escritor, compositor e poeta voltarredondense Rafael Alves Clodomiro, de 19 anos, nunca foi a Paris, mas uma viagem poética à cidade-luz garantiu a ele o primeiro lugar do Prêmio UFF de Literatura de 2009. A premiação dos vencedores aconteceu dia 17, no teatro da Universidade Federal Fluminense, em Niterói. Rafael, que recebeu o Troféu Itapuca, competiu participantes de várias partes do país. Foi a terceira edição do prêmio que, este ano, homenageou a França. "Esse prêmio é a concretização da minha carreira de escritor, porque o concurso da UFF é uma boa vitrine. O prêmio dá esperança da gente conquistar o mercado do livro, que é ainda restrito", declarou o primeiro colocado.

 

     A poesia de Rafael, "Por amor a Paris", escrita com as palavras dispostas de forma semelhante à Torre Eiffel, foi apresentada por atores acadêmicos da UFF durante a cerimônia de entrega do prêmio, assim como a crônica e o conto vencedores em suas respectivas categorias. Todos os vinte textos selecionados de cada categoria integram a coletânea lançada durante a premiação. Exemplares do livro serão doados às bibliotecas das escolas públicas municipais e estaduais, além das salas de leitura de Niterói.

 

    Fascinado pelas palavras desde os 10 anos, Rafael, curiosamente, é estudante de direito – opção que, confessa, fez pela estabilidade. Mas, como todo poeta, o sonho de Rafael – que já ganhou outros concursos regionais e nacionais – é publicar o primeiro livro e conquistar espaço numa grande editora. "Não publiquei livros ainda, apesar de querer muito. Estou produzindo, lapidando para chegar ao estado e no momento certo", disse ele ao FOCO REGIONAL, certo de que em 2010 publicará o primeiro livro "de contos", como antecipou. "E a primeira publicação será virtualmente, pois já tenho um acordo com uma editora sob demanda (Clube de Autores) para que isso ocorra, mas é a edição de primeira mão. O que vou batalhar é para fechar um contrato com uma editora de grande porte", acrescentou Rafael. "Meu diferencial é criatividade e linguagem clara e objetiva, que despertam um certo interesse do público", define-se o escritor, que mora na Água Limpa, em Volta Redonda e trabalha na assessoria de comunicação da Câmara de Pinheiral.

* Matéria publicada no Jornal Foco Regonal, circulação na região Sul Fluminense do Estado do Rio de Janeiro, edição nº 450, de 28 de dezembro a 03 de janeiro de 2010.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário