terça-feira, 24 de setembro de 2013

#EumeViro: O mercado de trabalho para o profissional do Direito


A faculdade de Direito já é conhecida por ser um curso que propicia um leque de profissões ao graduado.
A área jurídica abre as portas do mercado de trabalho nos setores privado e público. Inclusive, matérias típicas do Curso de Direito têm ganhado extrema importância em outros ramos profissionais. Muitos concursos públicos e processos seletivos que não são voltados para Bacharéis em Direito têm exigido conhecimentos em Direito Constitucional e Direito Administrativo.
As dúvidas são normais devido ao leque de opções.
Conforme dados do Sindicato das Sociedades de Advogados dos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro, o salário inicial de um Bacharel em Direito é de R$ 2.002,99 (para até 1 ano de inscrição na OAB), considerando a fixação atual do salário mínimo em R$ 678,00. E já no serviço público, esta média salarial é de R$ 13.199,76. 

O profissional do Direito não somente pode se direcionar para a área da advocacia e consultoria jurídica (em que há diversas especialidades e atuações: trabalhista; empresarial; criminal; tributária; ambiental; cível e etc), mas também, é amplamente possível o formado ingressar numa carreira pública, através de concursos públicos (para promotor, defensor público, delegado, juiz, analista judiciário e etc), assim como exercer atividades de ensino-aprendizagem (professor, pesquisador, coordenador). 

Variedade há. E bastante.

Sendo assim, as multi-opções geram dúvidas ou fazem com que muitos graduandos e graduados mudem de ideia na hora de escolher qual caminho seguir.

Pensando nisso, a Poerídica apresenta a seguinte poesia: "Não sei se Viro".




Reações:

0 comentários:

Postar um comentário