sábado, 21 de junho de 2014

Justificativa do projeto ALira



               
                  Tanto a arte poética quanto a arte musical sempre andaram juntas, pois as mesmas possuem características semelhantes, como a estrutura em versos e estrofes, as possíveis rimas, o ritmo exposto pelos sons das palavras e etc.

            Conforme ensinamento do professor literário Ulisses Infante, em seu livro "Textos: leituras e escritas", a poesia nas suas origens, era cantada ou acompanhada por instrumentos musicais, contudo, com o passar do tempo, os poemas deixaram de ser cantados ou interpretados com melodia, mas, sua conexão com a música nunca desapareceu. Por isso, o instrumento de cordas denominado de lira, muito usado na época pelos artistas para declamação de seus textos poéticos, representa, intimamente, a associação entre a poesia e a música.

                A própria palavra lírico, ligado ao nome de lira, traduz sua relevância por nomear um dos três gêneros literários principais existentes nos estudos da Literatura tradicional, o gênero lírico, que trata-se dos textos em que se predominam as expressões de sentimentos íntimos.

               Inclusive, no Trovadorismo, estilo literário ocorrido na Idade Média,  a partir do século V, surgiu as criações poéticas conhecidas como cantigas trovadorescas, as quais também eram acompanhadas por instrumentos musicais.

                Portanto, o projeto cultural, ALira, pretende resgatar a essência literária, promovendo no atual cenário musical brasileiro canções populares que evidenciam a importância da Literatura com foco nos trabalhos de escritores nacionais. Desta forma, poesias consagradas de renomados poetas do país, clássicos e contemporâneos, se transformarão em músicas influenciadas, principalmente, pelos seguintes gêneros musicais: MPB, Reggae, Pop, Folk, PopRock e Rap. E assim, através de melodias e ritmos harmônicos, poderão ser alcançadas uma consistente valorização e uma boa repercussão da cultura literária, tão valiosa para o desenvolvimento educacional humano.

            Também, o ato de cantar poemas conduzirá a iniciativa para os caminhos que democratizam a arte poética, ou seja, tornarão as poesias e os encantos poéticos mais acessíveis e bem apreciados, considerando que importantes poetas do Brasil serão, ainda mais, exaltados, como Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, Mário Quintana, Manuel Bandeira, Ferreira Gullar, entre outros.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário